Do (re)começo

Olivia Palermo e Johannes Huebl
Olivia Palermo e Johannes Huebl

 

Não importa de quantos recomeços sejam feitos os teus caminhos, apenas agradeça por poder recomeçar. Recomeços são chances. Poder recomeçar é só uma demonstração do carinho e do cuidado de Deus contigo. Ele te permite tentar várias vezes, cometer vários erros até que acertes. E é isso o que te faz crescer- cada vez melhor: podar-se, reflorescer, dar bons frutos. São os recomeços que te permitem se construir. Não importa quantas vezes você errou, preocupe-se apenas em não repetir os mesmos erros. Seja reflexiva com teus fins e grata com teus inícios. Plante coisas boas, faça o bem, seja paz, semeie amor; por mais tortos que pareçam os caminhos no fim tu há de colher tudo o que plantastes- o que importa é que as sementes sejam boas. E não tenhas vergonha de recomeçar sempre, de tentar mais uma vez, de levantar depois de um tombo grande, de cuidar dos calos e das feridas, entrega teus planos nas mãos de Deus e confia nos teus recomeços, na hora certa todas as boas sementes hão de brotar. 

Monalisa Macêdo

Por estas razões decidimos viver juntos. Na sexta-feira Ele veio para ficar. Para sempre.

Anúncios

Dos casais

Anne Hathaway
Anne Hathaway

Quando amamos devemos entregar-nos por completo ou devemos reservar alguma coisa para nós? Devemos dizer tudo o que sentimos ou nem por isso? Devemos mostrar incondicionalmente o nosso amor? Devemos gostar mais do “nós” do que de “nós próprios”? Devemos pensar apenas com o coração ou também com a cabeça?

Eu aprendi, da pior maneira, que não. Posso não estar certa, mas foi o que a vida me ensinou. Amo o meu namorado, mas gosto mais de mim. Sei o que sinto por ele, mas ele não o sabe completamente. Quero que ele todos os dias sinta necessidade de me conquistar, mesmo eu tendo a certeza absoluta que quero envelhecer ao seu lado. Sinto ciúmes dele com outras mulheres e tenho medo de o perder, um medo que me gela por dentro, mas ele não sabe isso.

Porque acho que a relação só enriquece se todos os dias lutarmos e se houver um bocadinho de mistério. É bom o outro sentir ciúmes q.b., sermos independentes, estarmos com outras pessoas, não estarmos juntos sempre e a toda a hora, sentir saudades, sentir a falta.